Você está aqui: Página Inicial > Paginas > Empresa Junior

Empresa Junior

publicado 31/01/2018 16h03, última modificação 07/11/2019 15h06

 Empresas vigentes:

 

 

icon_arrow_3-01.jpg  Descrição do serviço: 

Apoiar e fomentar propostas de criação de Empresas Júnior enquanto uma associação civil, sem fins lucrativos com finalidades educacionais, criada, constituída e gerida exclusivamente por alunos regularmente matriculados nos cursos de graduação da Universidade Federal do Vale do São Francisco.

 

icon_arrow_3-01.jpg  Base Legal: 

Resolução Nº 06/2016 e Lei 13.267, de 06 de abril de 2016 .

 

icon_arrow_3-01.jpg  Público-alvo: 

Discentes regularmente matriculados em cursos de graduação da UNIVASF.

 

icon_arrow_3-01.jpg  Informações úteis:

A empresa júnior será criada como uma empresa real, com assembléia geral, conselho administrativo, diretoria executiva, conselho fiscal, estatuto e regimento próprios, e gestão autônoma em relação à Universidade ou qualquer entidade estudantil. 

 

icon_arrow_3-01.jpg  Requisitos necessários à solicitação:

O projeto de criação de uma empresa júnior deverá contemplar: 

I – sua estrutura de funcionamento; 

II – o Colegiado Acadêmico do curso e o órgão aos quais se encontra vinculada; 

III – a natureza das atividades que serão realizadas; 

IV– a proposta de regimento interno; 

V – a previsão de professor orientador para cada projeto de consultoria que vier a realizar

 

icon_arrow_3-01.jpg  Como solicitar o serviço:

A proposta de criação de empresa júnior será submetida como programa de extensão para avaliação da Câmara de Extensão, o coordenador da ação proposta deve preencher o Formulário de Submissão de Ação de Extensão, o qual está disponível no link http://portais.univasf.edu.br/proex/camara-deextensao/documentos :

 

icon_arrow_3-01.jpg  Formas de comunicação: 

Presencial: 1° andar do prédio da Reitoria, Campus Petrolina (Centro); Email: proex.direx@univasf.edu.br ou telefone: 2101-6792.


icon_arrow_3-01.jpg  Responsabilidades do solicitante:

É de responsabilidade exclusiva da própria empresa  júnior sua manutenção financeira.

 É obrigatória a prestação de contas, de cada Empresa Júnior, através de seus representantes legais, como também, dos projetos e suas ações, de competência do professor responsável, dirigidas ao Colegiado a que está vinculado e à Pró-Reitoria de Extensão – Proex.

 

A composição de cada empresa  júnior comportará, no mínimo:

I – Assembleia Geral;

II – Conselho Administrativo;

III – Diretoria Executiva;

IV– Conselho Fiscal.

 

icon_arrow_3-01.jpg  Informações sobre a contrapartida ao serviço – pagamento: 

A Universidade, sem prejuízo de suas atividades, permitirá à empresa júnior o uso de espaço para seu funcionamento no âmbito do respectivo Colegiado Acadêmico, nos limites da disponibilidade existente.

 

icon_arrow_3-01.jpg  Indicação do órgão responsável pelo (in) deferimento: 

julgamento e a classificação das  propostas serão realizados por  meio de  análise técnica da proposta de criação pela Câmara de Extensão, conforme Resolução 04/2017 e 06/2016 – CONUNI.

 

icon_arrow_3-01.jpg  Informações complementares: 

A Universidade não responderá por qualquer débito fiscal ou trabalhista contraído por qualquer empresa júnior qualificada pela Universidade.

 

Link - documento de submissão-99.png

 

Lei 13.267, de 06 de abril de 2016 - Disciplina a criação e a organização das associações denominadas empresas juniores, com funcionamento perante instituições de ensino superior.

Resolução nº 06/2016 - Estabelece as normas que regerão a criação, o reconhecimento e o funcionamentode empresas juniores na UniversidadeFederaldo Vale do São Francisco.